Logo
  • Servidores de Mirinzal farão paralização para garantias de direitos, mas prefeitura garante pagamento de terço de férias nesta sexta-feira..

    Victor Farma - Conheça nossa história em nosso Instagram

    Sem conseguir um dialogo eficaz com a gestão, do prefeito Amaury Almeida, da cidade de Mirinzal, o sindicato dos servidores do município, decidiu por unanimidade a adesão a paralisação dos professores em virtude do não atendimento das reivindicações.

    Sem levar prejuízos para os alunos da rede municipal de ensino, a paralização funcionará da seguinte forma:

    ULTRAGAZ CURURUPU

    ULTRAGAZ CURURUPU

    Um dia de paralisação de advertência; em seguida uma manifestação e em conseguinte uma paralisação geral.

    Os dias ficaram agendados com possíveis alterações de acordo com as demandas do jurídico.

    A assembleia do sindicato aconteceu na tarde da última segunda feira, dia 04 de abril e contou com dezenas de servidores.

    Em um vídeo a presidente do sindicato, a professora Sandra Fonseca, afirma que a luta continua pelo direitos dos servidores. O sindicato vem ao longo dos meses pedindo apoio da Câmara de Vereadores e do Ministério Público, mas estes ainda não atuaram de forma mais enfática na tentativa de apoiar a luta pela garantia de direitos. A prefeitura divulgou um comunicado afirmando que o terço de férias dos servidores efetivos estará disponível nesta sexta-feira, dia 08 de abril, receberão logo os servidores om as iniciais de A à E. A nota a firma que este é mais compromisso do prefeito Amaury Almeida e efetuar o pagamento e as garantias dos seus colaboradores.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!