Logo

Programa Criança Feliz contemplará 150 Famílias de Cururupu

Publicidade Victor Farma e Auto Posto Piedade

Resultado de imagem para Programa Criança Feliz
Foto Divulgação

Foi lançado oficialmente em Cururupu na manhã do último sábado (23), o Programa Criança Feliz, que é desenvolvido por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania que atenderá 150 famílias no município. 

O Programa é uma importante ferramenta para as ações de Proteção Social Básica e que tem o objetivo de atender a gestantes, crianças de 0 a 3 anos, oriundas do programa Bolsa Família, e de até 06 anos, que sejam beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada (BPC), a partir de ações integradas entre diversas áreas como assistência social, saúde e educação. 
“Não medimos esforços para investir no desenvolvimento humano, no enfrentamento das desigualdades sociais. Uma das nossas estratégias para promoção do desenvolvimento humano concentra esforços na saúde, na educação infantil e nos cuidados das crianças, especialmente na primeira infância – faixa etária que vai de zero a seis anos. Nossa gestão está cuidando das pessoas, das famílias, estamos indo ao encontro das comunidades, levando serviços para garantir qualidade de vida” ressaltou a prefeita em sua fala.
A Secretária Municipal de Assistência Social e Cidadania, Katma Aguiar falou sobre a execução do programa no município, apresentou a equipe que estará atuando diretamente nas visitas domiciliares as 150 famílias. Semanalmente, visitadores capacitados em diversas áreas de conhecimento, como saúde, educação, serviço social, direitos humanos, cultura…levam às famílias orientações sobre a melhor maneira de estimular o desenvolvimento dos filhos. 
Várias instituições e órgãos parceiros participaram do evento, Conselho Tutelar, CMDCA, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Saúde, Vereadores, Ebenilson, Daniel Louzeiro e Roberto Pestana, Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, Vice-prefeito Ribamar Santos, Secretaria de Assistência Social e Cidadania, representante dos Agentes Comunitários de Saúde entre vários convidados.
A importância das políticas públicas para atenção à primeira infância foi recentemente reconhecida no Brasil pela Lei 13.257/2016 – o Marco Legal da Primeira Infância. A legislação ressalta a necessidade da integração de esforços da União, dos estados, dos municípios, das famílias e da sociedade no sentido de promover e defender os direitos das crianças e ampliar as políticas que promovam o desenvolvimento integral da primeira infância.
Criado pelo governo federal, o Criança Feliz é direcionado também para colher resultados no futuro e promete ser um marco na luta contra a desigualdade social no Brasil. Ele foi desenvolvido com base em técnicas rigorosas do programa Care for Child Development (“Cuidar do Desenvolvimento Infantil”) do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).
Objetivos do programa
•. Promover o desenvolvimento infantil integral; • Apoiar a gestante e a família na preparação para o nascimento da criança; • Cuidar da criança em situação de vulnerabilidade até os seis anos de idade; • Fortalecer o vínculo afetivo e o papel das famílias no cuidado, na proteção e na educação das crianças; • Estimular o desenvolvimento de atividades lúdicas; • Facilitar o acesso das famílias atendidas às políticas e serviços públicos de que necessitem;
População Beneficiária
• Gestantes, crianças de até três anos e suas famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família;
• Crianças de até seis anos beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada e suas famílias;
• Crianças de até seis anos afastadas do convívio familiar em razão da aplicação de medida de proteção prevista no artigo 101 da Lei nº 8.609, de 13 de julho de 1990, e suas famílias. Com Informações do Site da Prefeitura de Cururupu

Posto Guará



0 Comentários

Deixe o seu comentário!