Logo

Aldo Lopes tem registro de candidatura aprovada pela Justiça Eleitoral.

Publicidade Victor Farma e Auto Posto Piedade

Aldo Lopes tem registro de candidatura aprovada pela Justiça Eleitoral

Aldo Lopes tem registro de candidatura aprovada pela Justiça Eleitoral

CURURUPU (MA) – A Justiça Eleitoral confirmou na tarde desta terça-feira (21), que Aldo Lopes (PSB), atendeu todos os requisitos da legislação vigente e por essa razão teve sua candidatura deferida (aprovada), pela Justiça, a decisão é do Juiz Douglas Lima da Guia, Juiz Eleitoral, titular da da 14ª Zona Eleitoral da Comarca de Cururupu.

Aldo Lopes teve seu registro aprovado sem qualquer impugnação. Gustavo Pestana (PDT), vice-prefeito na chapa com Aldo Lopes também teve seu registro aprovado pela Justiça Eleitoral, sendo assim, a chapa majoritária formada por Aldo Lopes e Gustavo Pestana, está autorizada a concorrer as eleições municipais de Cururupu em 15 de novembro de 2020 sem qualquer impedimento.

Posto Guará

Em sua decisão, o magistrado destacou que, o Ministério Público Eleitoral manifestou-se favoravelmente pela aprovação do requerimento de registro de candidatura dos candidatos.

O Juiz disse ainda que, Aldo Lopes preencheu todas as condições legais para o registro pleiteado e o pedido veio instruído com a documentação exigida pelas normas eleitorais. As condições de elegibilidade foram totalmente preenchidas, ou seja, a documentação comprovaram que Lopes é ficha limpa perante a justiça, não havendo qualquer informação de inelegibilidade que pudesse ensejar a negativa do registro.

” Verifica-se, ainda, que não houve impugnação ao registro, nem notícia de inelegibilidade, nem o

Juízo Eleitoral verificou, de ofício, causas de inelegibilidades passíveis de obstaculizar o

deferimento do pedido”, afirmou o juiz em sua sentença.

“Ante o exposto, defiro o pedido de registro de candidatura de ALDO LUIS BORGES LOPES,

julgando-o(a) APTO (A) para concorrer nas Eleições Municipais de 2020, para o cargo de

Prefeito, no Município de Cururupu, sob o número 40″, finalizou o juiz.

Lopes disse que recebeu a decisão com serenidade, segundo ele, embora houvesse rumores, disseminados por opositores de que ele não podia ser candidato, ele afirma que sempre acreditou na justiça, e que nada fez para que não pudesse concorrer as eleições. ” Eu nasci aqui, me criei aqui, e é aqui que eu quero morar e criar meus filhos, talvez por isso eu deseje tanto que essa cidade seja melhor para todos nós, penso numa cidade onde todos possam ter a mesma oportunidade, e onde nossos jovens não precisem mais deixar tão precocemente suas casas para aventurar em outros estados, eu sonho com o dia em que todos aqui tenham paridade de oportunidade, a gestão municipal não seja usada apenas para ascensão social de alguns”, disse Lopes.

Aldo Lopes disse ainda que, nunca foi prefeito de Cururupu, e que não pode responder por ações de terceiros, para ele, se a população o escolher em 15 de novembro, ao final do seu governo terão a oportunidade de fazer uma avaliação, qualquer tentativa de lhe responsabilizar agora por erro do passado, não passa de mero estelionato eleitoral. ” Atualmente a população está tendo a oportunidade de fazer uma avaliação da atual prefeita, eleita em 2016, com dezenas de promessas que nunca saíram do papel, e tantas outras que acabara de fazer na tentativa de conseguir uma reeleição, nosso povo tem toda a condição de fazer uma avaliação, e decidir o que é melhor para cidade, é claro que para os que estão se beneficiando da gestão atual, vão dizer que está uma maravilha, mais e a população? Será se pensam dessa forma também, a atual prefeita já teve sua oportunidade de fazer a mudança na vida de nosso povo, se não fez, acho que o povo tem todo o direito de rever suas posições, e quem sabe buscar um novo destino para nossa cidade”, finalizou Aldo Looes.

íntegra da decisão do juiz Douglas Lima da Guia que aprovou o registro de candidatura de Aldo Lopes ao cargo de prefeito no município de Cururupu.




0 Comentários

Deixe o seu comentário!