Logo

Descaso: Merenda escolar é queimada em Serrano do Maranhão

Publicidade Victor Farma e Auto Posto Piedade

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Em Serrano do Maranhão a situação está tensa, é falta de energia no prédio da secretaria de educação, é salários de contratados em atraso, terços de férias com mais de 2 (dois) anos que os servidores não recebem, escolas sem merenda e assim seguem os avanços do acumulo do absurdo.

Como diz o bordão do humorista nordestino, Tiririca, que viralizou nas eleições do estado de São Paulo “Pior do que tá não fica”, infelizmente, em Serrano a situação está a cada dia pior.

Posto Guará

O nosso Blog teve acesso com exclusividade, em um vídeo e fotos de merendas sendo queimada no fundo da Secretaria Municipal de Educação de Serrano do Maranhão, também em fotos que mostram muitas fezes de ratos nas prateleiras onde ficam algumas merendas que serão destinadas as escolas do município, para alimentar os alunos.

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Na noite da ultima quinta-feira (14), foram incineradas (queimadas), vários quilos de pacotes de Macarrão e de sacos de Mingau. As fotos mostram vários fardos de feijão que estão sendo danificados por ratos, situação que chama a atenção dos setores de fiscalização do município, do estado e da união.

Os ratos furam os pacotes de merenda escolar e depois as mesmas são queimadas, enquanto isso milhares de alunos ficam com fome nas escolas, pela falta de merenda escolar, que hoje é obrigatoriedade do poder publico comprar, cuidar, armazenar e entregar a merenda pronta aos alunos, fatores que estão sendo violados pela municipalidade.

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar furada por ratos

Fomos apurar os fatos e obtivemos respostas que a merenda em questão, só foi queimada após servidores identificarem que a merenda tinha sido danificada por ratos, ou seja, os ratos fizeram a festa nas merendas que eram para alimentar os alunos da rede municipal.

Duas questões chamam a atenção; Na primeira é que a merenda tem que ser armazenada em local arejado e com boas condições; A segunda por que está merenda está no deposito da secretaria de educação há mais de um mês? Já que há relatos de alunos e pais alegando que não tem merenda nas escolas.

Existe uma legislação que rege as questões da merenda escolar no país é a Lei Nº 11.947, aprovada pelo Governo Federal em junho de 2009, que dispõe sobre a alimentação escolar na Educação Básica, no ambiente da rede pública de ensino. A lei contempla diretrizes que pretendem garantir o direito dos alunos da educação pública à alimentação.

Parece que em Serrano as determinações não estão sendo cumpridas. Entramos em contato com vários setores da prefeitura e da secretaria de educação de serrano e não obtivemos retorno das nossas ligações, nem das mensagens.

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar (Após no local da queima)

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar (Macarrão também já furado)

Merenda escolar sendo queimada em Serrano do Maranhão

Merenda escolar (Feijão espalhado pelo chão, após os ratos furarem os sacos)




2 Comentários

  1. Pedro Sousa Neto disse:

    Amigo O que vc falou acima é só 1/25 do que acontece no município, isto se arrasta ao longo das décadas, chegou ao cúmulo nesta gestão do atual prefeito, a merenda evapora e nem chega nas escolas, é lamentável, o município tem o pior IDH do Brasil e não se produz nada, porque não se faz politica de insentvo à produção, sendo que a terra tem um potencial esplêndido em todos os sentidos sou nato de lá e quando vejo isso me entristeço profundamente…

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: